Rafael Arbex/Estadão
Rafael Arbex/Estadão

Devido às chuvas, ao menos sete árvores provocam ocorrências na Grande SP

Número contempla só as em que o Corpo de Bombeiros precisou intervir; Defesa Civil informará quantidade exata de ocorrências

Sara Abdo, O Estado de S.Paulo

27 Fevereiro 2018 | 03h49

SÃO PAULO - Ao menos sete árvores caíram e provocaram ocorrências que precisaram de intervenção do Corpo de Bombeiros nesta segunda-feira, 26. A tarde e o começo da noite foram marcados pelas fortes chuvas, e São Paulo e a região metropolitana ficaram em estado de atenção. Alguns pontos foram registrados como intransitáveis.

+++ Criança cai em córrego na zona leste de São Paulo

Entre 13 horas e 19 horas, período em que choveu forte em toda a capital e Grande São Paulo o Corpo de Bombeiros foi chamado para intervir em árvores que caíram sobre ruas, casas, veículos, ou precisavam de ser podadas para não causar danos. Não houve vítimas, segundo a corporação.  Uma árvore caiu em São Bernardo do Campo, cinco em São Paulo e uma em Guarulhos. 

Os bombeiros chegaram a se encaminhar para vários chamados, mas se retiraram do local quando perceberam que a ocorrência não precisava de intervenção de urgência. Os casos foram direcionados para a prefeitura e a Defesa Civil do município. 

+++ Temporais causam quedas de árvores e alagamentos no interior de São Paulo

O número oficial de árvores que caíu, ficou da iminência de cair, ou sofreu algum dano devido às chuvas será informado na manhã desta terça-feira, 27, pela Defesa Civil da cidade de São Paulo. O comunicado está previsto para as 7 horas. 

Toda a região metropoliatana ficou em estado de atenção durante toda a tarde e começo da noite. O Centro Gerenciamento de Estatísticas (CGE) retirou o estado de atenção entre 19 horas e 20 horas. 

Dados preliminares indicam que no centro da capital paulista choveu um total 44,6 milímetros, enquanto na zona norte 36,5,  zona leste 33,5,  zona oeste 32,9 e, na zona sul, 14,2 milímetros.  

Para evitar os riscos de possíveis alagamentos, a CGE sugere medidas como evitar transitar em ruas , não enfrentar correnteza, se manter em lugar seguro e informar se precisar de ajuda. Também é imporante permanecer longe da rede elétrica e se abrigar em casas e prédios. 

Previsão

Segundo o CGE a previsão é que nos próximos dias ainda haja pancadas de chuva. Nesta terça-feira, 27, terá sol, muitas nuvens e chuva de intensidade moderada a forte no período da tarde. Há potencial para alagamentos. Na quarta-feira, 28, a previsão é sol e variação de nuvens, além de alagamentos no fim da tarde e início da noite. A estimativa é uma temperatura entre 21°C e 29°C.

Mande sua notícia - Quais problemas você enfrenta no trânsito e no caminho para o trabalho? O metrô parou? Viu uma manifestação na cidade? Presenciou um acidente ou algo inusitado? Fotografou ou filmou um fato e quer compartilhar? Os usuários de WhatsApp podem agora usar o aplicativo para colaborar com o Estado. Envie vídeos, fotos ou apenas o seu relato ou ideia de pauta pelo número (11) 9-7069-8639. Suas sugestões serão apuradas por um repórter e podem ajudar as pessoas. Participe.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.