Detran suspende por 30 dias implantação da CNH eletrônica em SP

Suspensão foi feita para que os envolvidos no processo de emissão da habilitação tenham um prazo maior de adaptação as exigências do novo sistema

Marília Lopes, Central de Notícias

17 Dezembro 2010 | 18h03

SÃO PAULO - O Detran de São Paulo informou na tarde desta sexta-feira, 17, que está suspensa por 30 dias a implantação do novo sistema eletrônico para emissão ou renovação da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), o e-CNH.

 

O processo, que entrou em funcionamento no restante do Estado ao longo deste ano, deveria começar a funcionar na capital a partir da próxima segunda-feira, 20.

 

Segundo o Detran, a suspensão foi feita para que os envolvidos no processo de emissão da CNH tenham um prazo maior de adaptação as exigências do novo sistema. Com o novo sistema médicos, psicólogos e os Centros de Formação de Condutores devem ter uma certificação digital e equipamentos de informática com acesso à internet.

 

Nesta tarde, a Associação Brasileira de Medicina de Tráfego (Abramet) divulgou nota sobre seu descontentamento com a implantação do novo sistema. Segundo a Abramet, o sistema eletrônico tem apresentado inúmeras falhas nas cidades em que já é utilizado e pede que o novo sistema seja revisto, tenhas as falhas solucionadas e seja devidamente testado antes da implantação.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.