Desabamento em obra de futuro shopping fere operário

Viga do Nova 25 de Março bateu em laje, que cedeu e derrubou estruturas nos outros andares. [br]Local foi interditado

Elvis Pereira, O Estado de S.Paulo

04 Fevereiro 2011 | 00h00

O desabamento de parte da estrutura do futuro shopping Nova 25 de Março, em Santo Amaro, zona sul de São Paulo, feriu na manhã de ontem o operário José Roberto Farias de Oliveira. Internado, ele não corre risco de morte. Suspeita-se que o acidente, o primeiro desde o início da obra, tenha sido provocado pela falha de um guindaste. A Defesa Civil da Subprefeitura de Santo Amaro interditou o local por tempo indeterminado.

A função de Oliveira, de 39 anos, era soltar os cabos de aço da viga que seria usada na sustentação da escadaria do edifício. Ele trabalhava no sexto andar. "Aparentemente por falha do guindaste, a viga se desprendeu ou bateu na laje", afirmou Israel Caldeira, gerente administrativo do Grupo Savoy, responsável pelo planejamento do shopping.

Com o choque, a laje cedeu, derrubando as dos demais andares. Oliveira, que usava o equipamento de segurança, caiu no térreo. Bombeiros o encontraram consciente e o levaram ao Hospital Regional Sul. Ele sofreu fratura exposta em uma das pernas e passaria por cirurgia. A Secretaria de Estado da Saúde disse que ele passa bem, mas não há previsão de alta.

A subprefeitura manterá a interdição da obra até receber a planta do empreendimento e analisá-la. O delegado Hélio Bressan, do Departamento de Polícia de Proteção à Cidadania, instaurou inquérito por lesão corporal e exposição a perigo. Ele aguarda agora laudo do Instituto de Criminalística.

O Nova 25 é um dos nove shoppings em construção na cidade - há 77 em funcionamento. Anunciado em 2008, o futuro centro de compras fica na Avenida das Nações Unidas e foi idealizado para ser uma alternativa à região da 25 de março, no centro. Devem ser instaladas mais de 350 lojas, entre elas cem filiais de comércios existentes no entorno da Rua 25 de Março. O centro também deverá abrigar o Parque da Mônica, despejado do Shopping Eldorado em 2010.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.