Fabio Motta/Estadão
Fabio Motta/Estadão

Dengue pode ter matado três pessoas em Sorocaba

Secretaria de Saúde informa que investiga mortes e que a suspeita é dengue; cidade está em estado de emergência em razão da epidemia, que já infectou 1.476 moradores neste ano

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

10 Fevereiro 2015 | 20h02

SOROCABA - Três pessoas podem ter morrido em decorrência da dengue em Sorocaba. A informação foi divulgada na tarde desta terça-feira, 10, pela Secretaria de Saúde de Sorocaba. Já são 1.476 os casos confirmados da doença na cidade - a prefeitura decretou estado de emergência em razão da epidemia.

O primeiro caso de óbito envolve uma pessoa idosa, cujo exame sorológico deu resultado positivo para a doença. A Secretaria ainda aguarda a confirmação do resultado por outro exame que está sendo realizado no Laboratório Adolfo Lutz, em São Paulo.

Outro caso de morte envolve um paciente jovem que apresentava quadro de dengue, mas o primeiro exame sorológico deu negativo. O resultado ainda precisa ser confirmado pelo exame sorológico.

O terceiro óbito vitimou uma pessoa idosa que apresentava quadro clínico compatível com dengue, mas o resultado do primeiro exame também foi negativo - falta ainda a contraprova que está sendo realizada no Adolfo Lutz.

Os três óbitos ocorreram este ano. Com esses, sobe para 15 o número de mortes suspeitas de terem sido causadas pela dengue no Estado de São Paulo. Do número já foi descontado o caso suspeito de Limeira, em que a paciente teve confirmado o diagnóstico de febre maculosa, causada pelo carrapato estrela.

Mais conteúdo sobre:
Sorocaba dengue

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.