Delegado é preso por falsificar documentos

Acusado de integrar uma quadrilha de falsificação de documentos de carros importados, o delegado Damásio Marino foi preso ontem em Presidente Venceslau (SP), quando participava de uma reunião na Circunscrição Regional de Trânsito, órgão que dirigia desde 2011. O carro do policial, um cofre com documentos, sacolas e malas foram aprendidos. No início da noite, ele foi transferido para o Presídio Especial da Polícia Civil, na capital. Marino ficou conhecido no ano passado por agredir um cadeirante após uma discussão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.