Delegada quer ouvir padre e pai de santo

A delegada Cláudia Dálvia, que investiga a morte da dona de casa Geralda Guabiraba, disse ontem que pretende ouvir o padre da igreja que ela frequentava, além de perguntar a um pai de santo sobre rituais macabros. A ideia é tentar esclarecer o crime ocorrido em Mairiporã na madrugada de sábado. O corpo de Geralda foi achado na Pedra da Macumba sem os olhos e a pele do rosto. Um cinegrafista amador fez imagens, anteontem, de três homens borrifando óleo no local do crime. Eles disseram que era contra dengue.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.