'Decidi largar tudo e ganhar em qualidade de vida'

Há três anos, Paula Gradícola, de 34 anos, decidiu largar o estresse da cidade e mudar de vida: saiu do emprego numa empresa de engenharia no Itaim-Bibi e montou um ateliê de decoração de bolos em casa, na Granja Viana. "Pegava a Raposo (Tavares) todo dia em horário de pico, passava uma hora no carro. Decidi largar tudo e ganhar qualidade de vida", conta. "Faço o possível para não marcar nada em São Paulo. Só vou em horários alternativos e em caso de extrema necessidade, como para ir ao médico." /

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.