De R$ 1 a R$ 200: veja lugares para se refrescar em São Paulo

Selecionamos 5 locais na capital paulista que permitem usar a piscina sem a necessidade de ser sócio

O Estado de S. Paulo,

31 de janeiro de 2014 | 10h01

Os dias de janeiro em São Paulo nunca foram tão quentes.A temperatura média na capital paulista até hoje é de 31,7 graus, a maior desde 1943, quando começou a série histórica medida pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

 

E nessa época de altas temperaturas, não há nada melhor do que relaxar, colocar uma roupa leve e se refrescar dentro de uma piscina. Selecionamos 5 locais em São Paulo que permitem usar a piscina sem a necessidade de ser sócio. Pagando uma taxa e fazendo exame médico, o uso é livre. Confira:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.