Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

De licença médica, presidente da Sabesp não vai à CPI

Dilma Pena foi convocada por vereadores da comissão que investiga o contrato da Prefeitura com a companhia e a falta de água em SP

Fabio Leite, O Estado de S. Paulo

23 Setembro 2014 | 15h25

SÃO PAULO - A presidente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp), Dilma Pena, informou que não poderá prestar depoimento à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Câmara Municipal de São Paulo nesta quarta-feira, 23, porque está de licença médica. Ela foi convocada na semana passada pelos vereadores da comissão que investiga o contrato da Prefeitura de São Paulo com a Sabesp e os episódios de falta de água na capital após não ter atendido a um convite da CPI.

Em ofício enviado ao presidente da CPI, Laercio Benko (PHS), Dilma disse que foi submetida a um procedimento cirúrgico na laringe há três dias e que ainda está afastada da função por licença médica. Ela disse que vai aguardar a alta para comunicar à CPI uma data possível para o depoimento.


"Respeitamos a condição de saúde dela, mas a população de São Paulo precisa de esclarecimentos. Não é possível que no meio dessa crise a Sabesp não tenha ninguém exercendo a função dela", disse o vereador Benko, que é candidato a governador de São Paulo. 

Desde o início da crise do Sistema Cantareira, em janeiro, Dilma não tem comparecido aos debates públicos sobre o tema. Quase sempre a Sabesp é representada pelo diretor metropolitano Paulo Massato. Benko disse que vai propor a convocação dele na sessão da CPI desta quarta. Segundo ele, a Sabesp está querendo ganhar tempo para que não depor antes do primeiro turno das eleições, no dia 5 de outubro. Já aliados do governador Geraldo Alckmin (PSDB), que é candidato à reeleição, acusam os vereadores da comissão de fazerem uso eleitoreiro da CPI.

Mais conteúdo sobre:
SabespCPIDilma Pena

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.