Polícia Militar/Divulgação
Polícia Militar/Divulgação

Criminosos rendem moradores e explodem agência bancária em Iracemápolis

Quadrilha usou artefatos para explodir caixas eletrônicos; PM foi recebida a tiros pelos bandidos, mas não há informação sobre feridos

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

06 de setembro de 2019 | 09h59

SOROCABA – Uma quadrilha fortemente armada invadiu uma agência bancária e usou explosivos para arrombar os caixas eletrônicos, na madrugada desta sexta-feira, 6, em Iracemápolis, interior de São Paulo. Durante o ataque, os criminosos renderam moradores que saíam de casa para trabalhar, entre eles um policial militar da reserva que mora próximo da agência. Os bandidos chegaram em ao menos cinco veículos e bloquearam a rua onde fica a agência do Bradesco, na Praça da Matriz, região central da cidade.

Uma viatura da Polícia Militar se deslocou para o local e foi recebida a tiros. O tiroteio assustou os moradores, mas ninguém ficou ferido. A força da explosão destruiu a agência e chegou a derrubar parte de uma parede. Os criminosos conseguiram fugir, mas fizeram disparos. Houve perseguição, mas não havia informação sobre prisões. Os policiais constataram que havia explosivo não detonado no interior da agência e a área foi interditada. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.