Ulyisses Vinholes/Reprodução/Estadão
Ulyisses Vinholes/Reprodução/Estadão

Criminosos explodem caixas eletrônicos na zona sul de São Paulo

De acordo com Secretaria de Segurança Pública, bando vestia roupas pretas e toucas ninjas

Felipe Cordeiro, O Estado de S. Paulo

22 Maio 2014 | 09h53

Atualizado às 13h30

SÃO PAULO - Oito criminosos explodiram caixas eletrônicos de uma agência da Caixa Econômica Federal localizada na esquina das Ruas Américo Brasiliense e José Guerra, na Chácara Santo Antônio, zona sul de São Paulo, na madrugada desta quinta-feira, 22. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), o crime ocorreu às 03h30 e ninguém foi detido.

Ainda de acordo com a SSP, moradores do bairro disseram aos policiais que oito pessoas vestidas de preto com touca ninja chegaram à agência em quatro carros. Após a explosão, os homens fugiram, levando o dinheiro que estava no interior dos caixas.

Além dos caixas explodidos, os vidros e os materiais da porta principal ficaram danificados e sofreram abalos na estrutura. O caso foi registrado no 11º Distrito Policial (Santo Amaro), que solicitou perícia na agência.

Em nota, a Caixa informou que está colaborando com a investigação das autoridades policiais e que, em virtude da explosão dos terminais de autoatendimento, a agência da Chácara Santo Antônio estará fechada nesta quinta-feira e na sexta-feira, 23, para "avaliação dos danos e realização de reparos".

O banco sugere aos clientes da agência danificada que se dirijam às unidades Granja Julieta (Avenida Santo Amaro, 7327), João Dias (Avenida João Dias, 1669), Borba Gato (Avenida Adolfo Pinheiro, 2019) e Morumbi (Avenida Morumbi, 7976), que "estão com atendimento reforçado em função do ocorrido".

Mais conteúdo sobre:
Crime Violência São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.