Criança morre afogada em aula de natação em clube de Franca

Menino de 10 anos ficou com o braço preso no ralo no fundo da piscina e teve uma parada cardiorrespiratória

Brás Henrique, de O Estado de S. Paulo, e Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

05 Dezembro 2008 | 09h50

Um garoto de 10 anos morreu afogado após uma aula de natação em uma divisão de esportes da Prefeitura na Vila Santos Dumont. Após o término da aula, na tarde da quinta-feira, 4, os outros alunos perceberam que Gabriel estava com o braço preso ao ralo no fundo da piscina. De acordo com os bombeiros, ele foi sugado por uma bomba de limpeza.   A piscina tem profundidade de 1,5 metro e o braço do garoto foi sugado pelo vão do ralo (destampado) da bomba de filtragem da água. Professores e alunos tentaram resgatá-lo, mas apenas os bombeiros conseguiram retirá-lo. Mesmo com todos os procedimentos de salvamento, os bombeiros não conseguiram reanimá-lo e a criança sofreu parada cardiorrespiratória e morreu no local.   O acidente aconteceu depois do fim da aula de natação. Gabriel nadava havia dois anos no clube. A Polícia Civil de Franca vai apurar o que aconteceu e os responsáveis pela morte do garoto.   Texto ampliado às 10h39 para acréscimo de informações.

Mais conteúdo sobre:
interiorFrancaacidentenatação

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.