Criados para serem pontos de descarte de entulho, ecopontos estão cercados de lixo

SANEAMENTO

, O Estado de S.Paulo

31 de agosto de 2010 | 00h00

Lixo despejado pelo entorno, falta de divulgação do serviço e horário de funcionamento irregular são as principais queixas registradas nos ecopontos, criados para solucionar o problema do descarte de entulho na cidade. Na última semana, a reportagem flagrou lixo amontoado no entorno de 20 das 42 unidades visitadas.

Entre maio de 2009 e junho de 2010, a Prefeitura pagou cerca de R$ 17 milhões a empresas terceirizadas para transportar entulho, segundo relatório enviado à Câmara. Até 2012, a Prefeitura de São Paulo promete construir 61 pontos de entrega voluntária de entulho, materiais recicláveis e volumosos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.