Cratera interdita pista da Marechal Rondon no noroeste paulista

Buraco foi aberto por causa das fortes chuvas que atingem o Estado; o trânsito na rodovia, uma das principais do interior, está sendo desviado no km 563 para a pista contrária, que passou a ter um trecho em mão dupla

José Maria Tomazela, O Estado de S. Paulo

21 Janeiro 2017 | 11h37

SOROCABA - Uma cratera aberta pelas chuvas causou a interdição total de uma das pistas da rodovia Marechal Rondon, nesta sexta-feira (20), no município de Rubiácea, região noroeste do Estado de São Paulo. A estrada é uma das principais do interior. O trânsito está sendo desviado no km 563 para a pista contrária, que passou a ter um trecho em mão dupla.

Equipes da concessionária trabalham na recomposição da pista, mas os serviços são prejudicados pelas chuvas. A expectativa é que o tráfego seja normalizado no prazo de uma semana.

Outras duas rodovias estaduais estão interditadas em consequência das chuvas no interior. Na Vereador José Berto (SP-421), a enchente arrancou parte do aterro, abrindo uma cratera com mais de 20 metros de extensão, em Borá. O trânsito está sendo desviado por vias municipais entre Quatá, Herculândia e Quintana.

A rodovia Miguel Gantus (SP-383) também sofreu interdição total após a queda de uma ponte, em Herculândia. O desvio é feito por uma estrada municipal, entre Pompeia e Queiroz. Nos dois casos, o percurso entre as cidades ficou de três a quatro vezes mais longo. Aina não há previsão de restabelecimento do tráfego.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.