ALEX SILVA / ESTADÃO - 16/03/2022 e TIAGO QUEIROZ / ESTADÃO - 22/03/2022
ALEX SILVA / ESTADÃO - 16/03/2022 e TIAGO QUEIROZ / ESTADÃO - 22/03/2022

Cracolândia: Veja o antes e depois da saída de traficantes e usuários de drogas

Ruas do 'fluxo' tiveram rápido esvaziamento nos últimos dias por ordem dos traficantes, segundo a polícia

Redação, O Estado de S.Paulo

22 de março de 2022 | 20h09

Traficantes e usuários de drogas deixaram a região conhecida como Cracolândia, na Luz, e se espalharam por outros pontos do centro de São Paulo. Moradores relatam que a concentração – o chamado fluxo - no quadrilátero da rua Helvetia, alamedas Dino Bueno e Cleveland e a praça Júlio Prestes já vinha diminuindo nos últimos dias. Mas, na segunda-feira, 21, as ruas amanheceram praticamente vazias.

A saída foi ordenada por lideranças do crime organizado na noite de sexta-feira, de acordo com a Polícia Civil. Cerca de um terço dos usuários e traficantes, de acordo com estimativa da própria polícia, migrou para a Praça Princesa Isabel, também no centro.

De acordo com o monitoramento da Prefeitura, a região da Cracolândia recebia um fluxo médio de 527 pessoas por dia. Em fevereiro, o número caiu para 397.

FLUXO

NOVO CENÁRIO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.