CPTM encerra paralisação e trens voltarão a circular

Linhas 11 e 12 deixaram de circular a 0h desta quarta; categoria pediu reajuste salarial

Caio do Valle - Jornal da Tarde,

23 de maio de 2012 | 20h05

Atualizado às 20h28.   SÃO PAULO - Os trabalhadores da Linha 11-Coral (Luz-Estudantes) da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que estavam em greve desde a 0h desta quarta-feira, 23, decidiram que vão voltar a trabalhar ainda hoje. Os funcionários já estariam se posicionando para retomar as atividades. A Linha 12-Safira (Brás-Calmon Viana) também encerrou a paralisação, mas, nesse caso, os trens devem demorar um pouco mais para voltar a circular. A informação é do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 2.ª Região, no centro, onde ocorreu uma audiência de conciliação entre o sindicato da categoria e a CPTM.

Segundo o TRT, os funcionários das duas linhas deverão ter compensação de 50% pelas horas não trabalhadas durante a greve. A CPTM teria aceitado parte das reivindicações, mas não se comprometeu com o plano de cargos e salários nem com a ampliação do adicional de risco de vida.

A CPTM foi procurada para confirmar a retomada da operação, mas ainda não se pronunciou. Por enquanto, a empresa divulgou apenas que a decisão do Sindicato dos Trabalhadores em Empresas Ferroviárias da Zona Central do Brasil (STEFZCB) foi "arbitrária" e "na contramão da negociação salarial". Cerca de 850 mil passageiros usam diariamente as Linhas 11-Coral e 12-Safira.

Tudo o que sabemos sobre:
greveCPTMmetrôTRT

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.