CPIs: abuso sexual e estacionamento

As primeiras Comissões Parlamentares de Inquérito (CPIs) de 2013 vão investigar a existência de estacionamentos irregulares e a exploração sexual infantil em São Paulo. Foram protocolados 17 pedidos de CPIs, de autoria de dez parlamentares. Após acordo entre os líderes partidários, as solicitações foram encaminhadas ontem para uma votação em plenário. Juliana Cardoso, que propôs apurar as condições de segurança dos estacionamentos privados, e Laércio Benko, que buscava impedir a exploração sexual de menores, tiveram as propostas aprovadas. /A.F.

O Estado de S.Paulo

27 de fevereiro de 2013 | 02h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.