Cotidiano revisto em 2 mil peças

São João Marcos é a primeira cidade do País inteiramente recuperada por arqueólogos e é considerada o maior sítio arqueológico urbano brasileiro. A equipe do Instituto de Arqueologia Brasileira encontrou desde estruturas de casas e igrejas até o traçado das ruas e uma sofisticada galeria de esgoto, que tinha decantadores. Ao longo do trabalho de dois anos, os arqueólogos localizaram 2 mil pequenas peças que remontam o cotidiano.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.