Corte em orçamentos deve reduzir receita em São Paulo

Apesar da queda, Kassab diz que não vai cortar recursos das áreas sociais, uma de suas bandeiras de campanha

Agência Brasil,

18 Dezembro 2008 | 10h46

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, afirmou que poderá haver queda na receita do município, em conseqüência de cortes nos orçamentos da União e do Estado. Segundo ele, ainda não é possível estimar qual o valor da redução dos recursos da cidade. "Minha manifestação foi em função dos dados já divulgados pelo governo Federal e do governo do Estado, em relação à queda em suas receitas. À medida em que há queda na arrecadação, e a prefeitura de São Paulo, assim como qualquer outro município, tem o seu orçamento baseado nos repasses do governo Federal e Estadual, é evidente que teremos uma redução em nossas expectativas e na nossa receita", afirmou o prefeito. O prefeito afirmou que, mesmo que haja redução no orçamento de São Paulo, não haverá cortes na área social, uma de suas bandeiras de campanha. "Estamos preparados. A Prefeitura de São Paulo está com boa saúde financeira e teremos todo o cuidado para fazer com que nossos investimentos no campo social não sofram nenhum abalo".

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.