Corrente na internet pede sangue para estudante baleado perto da PUC

Rapaz de 23 anos tomou tiro no pescoço na Rua João Ramalho, na noite de terça-feira

O Estado de S. Paulo

16 Maio 2013 | 10h48

Uma corrente no Facebook pede doação de sangue para o universitário baleado na noite de terça-feira, 14, em Perdizes, na zona oeste da capital. Aluno da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), Bruno Pedroso Ribeiro, de 23 anos, passou por cirurgia no Hospital das Clínicas para remover a bala de seu pescoço.

Segundo a mensagem que circula na internet, ele precisa de sangue "urgentemente". O tipo sanguíneo é O+. O número de registro no hospital, segundo a corrente, é 14051743k.

Ribeiro foi baleado após um assalto na Rua João Ramalho, a uma quadra da PUC, às 20h25 de terça-feira. Os criminosos levaram o celular. O tiro acertou o pescoço da vítima. De acordo com o Hospital das Clínicas, o quadro do jovem é estável. Ele segue na UTI.

Mais conteúdo sobre:
PUC-SP baleado doação de sangue

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.