Corpo de jovem é encontrado em poço de 27 metros

Três pessoas são presas acusadas de estupar e matar a vítima, desaparecida desde domingo

Oswaldo Faustino, do estadao.com.br,

19 de setembro de 2007 | 05h54

O corpo de uma adolescente de 17 anos, que estava desaparecida desde o domingo, 16, foi encontrado na madrugada desta quarta-feira, 19, em um poço de cerca de 27 metros de profundidade. A vítima foi encontrada em Parelheiros, na zona sul de São Paulo; três pessoas foram presas acusadas de terem estuprado e assassinado a jovem.   Os familiares da adolescente notificaram o desaparecimento na noite de terça-feira à delegacia. Segundo eles, ela saiu de casa junto com um primo de 16 anos para ir a casa de um amigo e não foi mais vista. Enquanto ainda estavam na delegacia, eles foram avisados que o corpo havia sido encontrado em uma favela próxima ao local onde a garota morava.   Na madrugada desta quarta-feira, a polícia prendeu os responsáveis pelo assassinato: um homem de 21 anos, o primo da jovem e um adolescente de 15 anos. Eles confessaram que a estupraram e, para que não ela revelasse o crime, a assassinaram. Depois resolveram ocultar o corpo, lançando-o no poço.   O delegado pedirá a prisão temporária do maior e encaminhará os adolescentes ao juiz da Vara de Infância e Juventude para que os envie para alguma unidade da Fundação Casa (ex-Febem).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.