Corpo de empresário morto em padaria é enterrado em SP

Segurança do local teria se desentendido com o cliente e o atingido com uma faca; homem está foragido

estadao.com.br,

28 de dezembro de 2009 | 12h33

 

SÃO PAULO - Dácio Múcio de Souza acompanhou nesta segunda-feira, 28, ao lado das duas filhas, Manuela e Nathalia, o enterro do filho Dácio Múcio de Souza Júnior, de 29 anos, no Cemitério do Araçá, na zona oeste de São Paulo. O jovem empresário foi morto a facadas em frente à padaria Dona Deôla, na Rua Conselheiro Brotero, em Higienópolis, região central da cidade, na madrugada de ontem. Segundo a polícia, ele e um segurança do estabelecimento, identificado como Eduardo Soares Pompeu, se desentenderam. Durante a discussão, Pompeu o teria atingido com uma facada e, em seguida, fugido.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.