Congonhas adota intervalo de 8 minutos em vôos para Nordeste

Para demais regiões, espaço é de 5 minutos; motivo é atualização do sistema do Centro de Controle Brasília

Elvis Pereira, estadao.com.br

01 de outubro de 2008 | 18h40

O Aeroporto de Congonhas, na zona sul da capital paulista, adotou às 16 horas desta quarta-feira, 1º, o espaçamento de 8 minutos para vôos com destino ao Nordeste e de 5 minutos para as demais regiões. Em nota, a Aeronáutica informou que a situação é decorrente de medidas complementares que tiveram de ser aplicadas por conta da atualização da base de dados do sistema de sinal de um radar na área do Centro de Controle Brasília. Os militares efetuaram o serviço durante a madrugada. O comunicado traz que podem ocorrer restrições pontuais de tráfego aéreo ao longo do dia, "sem maiores impactos na circulação aérea".  Além do espaçamento, Congonhas funciona com o auxílio de instrumentos para pousos desde as 15h30, em razão do mau tempo. Da zero às 18 horas, 29 vôos saíram do terminal com atrasos superiores a 30 minutos, o equivalente a 14,8% dos 196 vôos programados. Outros 20 foram cancelados (10,2%). O Aeroporto de Guarulhos, na Grande São Paulo, também operava por instrumentos. No mesmo período, 22 vôos atrasaram (14,4%) e 6 foram suspensos (3,9%) em 153 vôos. Em todo o País, incluindo os dados acima, a Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero) registrou 132 atrasos (9,4%) e 62 cancelamentos (4,4%) em 1.400 vôos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.