Confira o que abre e o que fecha durante o aniversário de SP

Metrô tem esquema especial para o feriado; ônibus circulam com 60% da frota de dias úteis

Eduardo Roberto, do estadao.com.br,

22 Janeiro 2010 | 17h48

Durante o feriado de comemoração do aniversário de 456 anos da cidade de São Paulo nesta segunda-feira, 25, alguns serviços públicos, como o transporte, correios e bancos têm horários diferenciados ou especiais de atendimento. Confira abaixo o que abre e o que fecha em São Paulo durante este fim de semana prolongado.

 

Bancos - não haverá atendimento ao público.

 

Correios - No sábado, 23, abrem as agências que normalmente abrem aos sábados. Nos dias 24 e 25 todas as agências estarão fechadas.

 

Ônibus - o sistema municipal de transporte por ônibus circulará com 60% da frota utilizada nos dias úteis.

 

Metrô - a operação com reforço. Neste sábado, 23, e no domingo, a circulação permanecerá sem alterações. Na segunda a oferta de trens será como em um domingo típico, adequada ao número de usuários em feriados. Na terça, 26, o Metrô antecipa a operação comercial das linhas 1-Azul, 2-Verde (Vila Madalena-Alto do Ipiranga) e 3-Vermelha para atender os usuários que retornarão à cidade. As linhas 1 e 3 começarão a operar às 4h, ao passo que a Linha 2 às 4h30. Para a Linha 1, estão programadas 16 viagens a mais do que em um dia típico, na Linha 2-Verde oito viagens a mais e na Linha 3-Vermelha 16 viagens adicionais.

 

Trens - técnicos da companhia acompanharão a evolução da demanda durante o dia 25 e, se houver a necessidade de aumento da oferta de lugares, mais trens serão deslocados para transportar os usuários. A Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) também deixará trens de prontidão para atender o público que comparecerá ao World Bike Tour, que será realizado no dia 25.

 

Rodízio - a Prefeitura suspendeu o vigor do rodízio para o dia 25.

 

Poupatempo - todas as unidades fecham.

 

Procon - fará somente atendimento pessoal nos Poupatempos Sé, Santo Amaro e Itaquera no dia 23 das 7h às 13h. Não haverá atendimento telefônico (151 ou no fax 3824-0717) durante todo o fim de semana prolongado.

 

Detran - o serviço normalmente no sábado e no domingo das 7h às 18h mas fecha no dia 25.

 

Saúde - no dia 25 os hospitais, prontos-socorros e Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs) 24 horas funcionarão normalmente. As AMAs e AMAs Especialidades abrem de segunda a sábado, inclusive no dia 25, das 7h às 19h. As Unidades Básicas de Saúde (UBS) voltarão a funcionar na terça-feira, 26.

 

Parques - apenas o Parque da Luz permanecerá fechado.

 

Shoppings - as lojas funcionarão das 14h às 20h (abertura facultativa). As praças de alimentação e as áreas de entretenimento estarão abertas das 10h às 22h, sendo que alguns shoppings abrirão estes pontos a partir do meio-dia.

 

Feiras - não abrirão os mercados municipais Central Leste, Guaianases, Ipiranga, Lapa, Penha, Pinheiros, Santo Amaro, São Miguel, Sapopemba, Tucuruvi e Teotônio Vilela. O Mercado Paulistano e o Kinjo Yamato (no centro) funcionarão no horário normal; o de Vila Formosa, até as 13h; e o de Pirituba, até as 14h. Abrem os sacolões Bela Vista, Butantã, Cohab Adventista, Cidade Tiradentes, São Miguel e Freguesia do Ó. Não há feiras livres às segundas-feiras.

 

Social - Funcionam os Abrigos/Casas de Acolhida, a Central de Atendimento Permanente e de Emergência, os Centros de Referência da Criança e do Adolescente e o Centro de Acolhida, que ficam abertos 24 horas. Permanecem fechados o Centro de Referência de Cidadania do Idoso, a Loja Social-Roda da Cidadania, Agente Jovem, Restaurante-Escola São Paulo, os Núcleos Sócio-Educativos e o Centro de Referência Ação Família.

 

Subprefeituras - as Praças de Atendimento não funcionarão.

 

Texto atualizado às 15h58 de sábado, dia 23/01.

 

Mais conteúdo sobre:
Aniversário de SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.