Condomínio em Vinhedo é alvo de arrastão

Pelo menos cinco assaltantes invadiram um condomínio de alto padrão em Vinhedo, no interior paulista, às margens da Rodovia Anhanguera, para fazer um arrastão em três casas. Os criminosos pularam o muro de 3 metros do Condomínio Fazenda São Joaquim, entraram nas casas por volta das 21h de anteontem e mantiveram oito moradores reféns.

RICARDO BRANDT, ESPECIAL PARA O ESTADO, CAMPINAS, O Estado de S.Paulo

09 de agosto de 2012 | 07h45

"Eles cortaram a cerca elétrica que deveria acionar o alarme, mas o equipamento não estava funcionando", disse o delegado Álvaro Santucci Noventa Júnior.

Foram mantidos reféns um corretor de 55 anos, a mulher e o filho dele, um contador de 58 anos e seus pais, de 93 e 88, um aposentado de 72 anos e a mulher. "Pedi para que não fizessem nada com minha neta, de 4 anos, e eles deixaram que ela ficasse dormindo no quarto", disse a mulher do aposentado. Os criminosos fugiram uma hora e meia depois, com cinco laptops, dois tablets, cinco celulares, joias e dinheiro.

A PM prendeu, na madrugada de ontem, cinco homens durante uma tentativa de assalto a uma casa em Louveira (vizinha a Vinhedo), que pertence a um vereador. No entanto, eles não foram reconhecidos pelas vítimas do condomínio.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.