Concessão do Rodoanel é necessária para financiar obras

Segundo o governador, sem a cobrança do pedágio não há como terminar a construção do Trecho Sul

Elizabeth Lopes, da Agência Estado,

07 de agosto de 2007 | 18h03

O governador de São Paulo, José Serra (PSDB), afirmou nesta terça-feira, 7, que a concessão do Trecho Oeste do Rodoanel, com cobrança de pedágio, é necessária para o financiamento e construção do Trecho Sul. "Não é só o custo da obra, mas também as desapropriações. Temos os recursos do governo federal, que são menos de um terço do custo do Rodoanel, e estamos colocando dinheiro do Tesouro (Estadual). Por isso, precisamos dessa concessão para completar o financiamento do Trecho Sul", destacou. Serra contestou o argumento de alguns setores de que a cobrança de pedágio no Rodoanel irá desviar o fluxo - principalmente de caminhões - para a Marginal. "Imagina se alguém vai preferir pegar aquela Marginal entupida, em vez de pegar o Rodoanel e pagar R$ 3,4 ou 5, não acredito. É preciso um pouco de sensatez nisso", destacou. "Se alguém preferir isso, é porque é maluco, pegar a Marginal na hora do engarrafamento em vez do Rodoanel livre", acrescentou. O Diário Oficial do Estado publicou nesta terça edital convocando para o dia 23 deste mês audiência pública de concessão de pedágio do Trecho Oeste do Rodoanel. A idéia do governo é encerrar esta etapa de concorrência até o começo do ano que vem, para que a cobrança de pedágio seja feita a partir de abril de 2008. O prazo de concessão é de 25 anos, prorrogável. E o governo prevê revisões a cada cinco anos. O vencedor da concorrência irá explorar pedágios nos 32,6 quilômetros da via expressa do Rodoanel. O preço estimado para esta praça de pedágio é de R$ 5. Ao falar da concessão do Trecho Oeste do Rodoanel, o governador paulista disse que não se trata de privatização desta obra, mas apenas de concessão. "A propriedade continua sendo pública, a concessionária deve cumprir regras, caso contrário pode perder a concessão. E as regras implicam na qualidade do serviço, economia dos investimentos e uma boa manutenção", emendou Serra.

Tudo o que sabemos sobre:
RodoanelJosé SerraPedágio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.