Comerciantes liberam parte de Avenida em frente à Ceagesp

Manifestantes protestam contra privatização do controle das áreas de carga e descarga da estatal

28 Março 2012 | 09h14

Atualizado às 10:30h

São Paulo, 28 - A Avenida Gastão Vidigal, na Vila Leopoldina, na zona oeste de São Paulo, fechada totalmente nos dois sentidos no começo da manhã desta quarta-feira, 28, por comerciantes que trabalham na Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), está sendo liberada aos poucos.

Por volta das 9 horas, o sentido Marginal Tietê, e não Marginal do Pinheiros, como foi informado pela Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) anteriormente, foi liberado totalmente ao trânsito.

No outro sentido, em direção à Marginal do Pinheiros, uma faixa de rolamento foi desbloqueada por volta das 10 horas. Duas faixas ainda continuam fechadas.

Cerca de 400 comerciantes bloquearam totalmente a Avenida Gastão Vidigal como forma de protesto contra a terceirização do controle das áreas de carga e descarga da estatal.

Mais conteúdo sobre:
greve protesto ceagesp

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.