Comerciante preso por pedofilia na zona leste de SP

Dono de um pet shop dava cestas básicas para a família da garota de 14 anos em troca mantia relações sexuais

Ricardo Valota, do estadão.com.br

02 de novembro de 2010 | 05h57

SÃO PAULO - O comerciante Valter da Silva Queiroz, de 54 anos, dono de um pet shop, foi preso, na noite de segunda-feira, 1, na região do Itaim Paulista, extremo leste da capital, sob acusação de manter relações sexuais com uma adolescente de 14 anos. Em troca dos favores libidinosos, Queiroz dava cestas básicas para a família da garota. Tudo era consentido.

Ao ser detido, fazendo sexo oral com a menina em seu Fiat Pálio Weekend cinza, o acusado ofereceu R$ 970,00 aos policiais militares. O comerciante foi autuado por estupro e tentativa de suborno. O caso foi registrado no 50º Distrito Policial, do Itaim Paulista, extremo leste da capital, e será transferido para o 63º Distrito Policial, da Vila Jacuí, onde deve esperar por uma vaga no Centro de Detenção Provisória (CDP) de Suzano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.