Comerciante é morta por assaltantes na Casa Verde

Uma comerciante de 44 anos foi baleada na cabeça durante assalto a residência na Casa Verde, zona norte, na noite de anteontem. Ela teve morte encefálica. Seu marido, também comerciante, de 51 anos, foi agredido com coronhadas. Ele teve afundamento de crânio e está internado, sem risco de morte, na Santa Casa de São Paulo, na região central.

FABIANO NUNES, O Estado de S.Paulo

18 de janeiro de 2012 | 03h03

O casal foi agredido, amarrado, encapuzado e ameaçado de ter o corpo queimado por dois bandidos que invadiram sua casa na Rua Águas Virtuosas. Um terceiro criminoso ficou do lado de fora.

De acordo com a polícia, o comerciante Benedito Vanderlei Coquelete chegava em casa por volta das 21h, com a mulher, Marli Tadeu Silva Menezes, quando os dois foram abordados pelos três homens. "Segundo o relato do comerciante, eles tinham acabado de ir ao supermercado e estavam chegando em casa. Bandidos pediam dinheiro, joias e eletroeletrônicos", disse o delegado Levi D'Oliveira, do 13.º DP (Casa Verde). Segundo ele, o comerciante não reconheceu os ladrões.

Criminosos levaram R$ 4.500 em dinheiro e uma televisão, que foi colocada no Citroën C3 do casal. O veículo foi abandonado a 400 metros da casa das vítimas. "Eles deixaram a TV no carro, ainda com as compras do supermercado", disse o delegado.

Crueldade. O comerciante teria dito para os criminosos que a mulher estava grávida para evitar que ela fosse agredida. Mesmo assim, antes de deixarem a residência, os bandidos atiraram nela.

A PM foi acionada por meio do 190 por causa do carro abandonado e só depois encontrou o casal amarrado e encapuzado em casa. Vizinhos dizem não ter ouvido barulho de disparo.

"A PM encontrou o carro abandonado e constatou que não tinha queixa de roubo. Pela placa, descobriram o endereço do proprietário", disse o delegado.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.