Clínica de Roger Abdelmassih amanhece pichada com ofensas

Dizeres 'velho tarado' e 'a Justiça tarda mas não falha' foram escritos no muro da clínica, no Jardim América

Daniela do Canto, da Central de Notícias,

21 de agosto de 2009 | 07h13

Coletivo de pichadores já atuou no caso do juiz Nicolau e do casal de bispos Estevam e Sônia Hernandes

 

SÃO PAULO - O muro da clínica do especialista em reprodução assistida Roger Abdelmassih, na Avenida Brasil, Jardim América, zona sul de São Paulo, foi pichado no final da noite desta quinta-feira, 20, com os dizeres "velho tarado" e "a Justiça tarda mas não falha". Abdelmassih foi preso na última segunda-feira, 17, acusado de ter cometido 56 estupros.

 

Veja também:

link Defesa apresenta pedido de liberdade ao STJ

link 'Técnica não é ilegal', diz filho do especialista

link Conselho suspende registro médico de Abdelmassih

 

O coletivo responsável pela pichação, que se identifica como Túmulos, é o mesmo que começou a aparecer em 2007 com várias outras pichações inspiradas em fatos que ganharam destaque na imprensa, como no caso do juiz aposentado Nicolau dos Santos Neto e do casal de bispos Estevam e Sônia Hernandes, da Igreja Apostólica Renascer em Cristo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.