Nilton Fukuda/Estadão
Nilton Fukuda/Estadão

City tour oficial deve começar em outubro na cidade de São Paulo

Ao todo, cinco ônibus vão fazer o trajeto, com passagem que custará R$ 30; serviço se arrasta desde 2011 sem sair do papel

Juliana Diógenes, O Estado de S. Paulo

11 de setembro de 2015 | 07h00

SÃO PAULO - Dois ônibus do city tour oficial de São Paulo devem estar rodando no próximo mês. A afirmação é do empresário Wilson Poit que, após dois anos e meio na gestão Fernando Haddad (PT), deixou nesta quinta-feira, 9, os cargos de secretário de Turismo, diretor-presidente da São Paulo Negócios (SPNegócios) e presidente da São Paulo Turismo (SPTuris). Ao todo, cinco ônibus vão fazer o city tour e já estão na garagem, como mostrou o Estado na segunda-feira. A passagem custará R$ 30.

O serviço se arrasta sem sair do papel desde 2011. “Por enquanto, dois ônibus no city tour são ‘o suficiente’ para fazer o trajeto. Fico muito feliz de ter deixado esses veículos já adesivados e no gatilho. O prefeito Fernando Haddad disse ontem (quinta-feira) que estou convidado para ir na primeira viagem”, afirmou Poit. Com percurso estimado em até 3 horas, os ônibus vão partir da Estação da Luz e circularão por 11 pontos, incluindo Mercadão, Avenida Paulista e Ibirapuera, com o Teatro Municipal como ponto final.

Outros projetos. Poit ainda falou dos projetos principais da SPTurismo e da SPNegócios. Segundo o empresário, o prazo para a entrega dos estudos técnicos de 16 grupos interessados em modernizar o Novo Anhembi é o próximo dia 26. Já os estudos da Arena Anhembi foram recebidos em junho e os projetos estão em fase de análise. A previsão é de que a licitação saia até o fim de 2015.

Em relação à PPP da Iluminação Pública, alvo de 11 ações do Tribunal de Contas do Município (TCM), o empresário está otimista e acha que a concorrência será liberada ainda neste ano. Onze consórcios interessados (grupos empresariais) apresentaram estudos, mas a judicialização do processo prejudicou o cronograma da Prefeitura. “O empresário fica um pouco indignado com essa demora.” 

Tudo o que sabemos sobre:
São PauloSPTransSPNegócios

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.