WERTHER SANTANA/ESTADÃO
WERTHER SANTANA/ESTADÃO

Cinco trilhas para explorar o Parque da Cantareira

Percursos incluem quatro cidades e têm diferentes graus de dificuldade

O Estado de S. Paulo

09 de setembro de 2015 | 21h31

O Parque Estadual da Cantareira é uma das maiores florestas urbanas do mundo. Com uma área verde de 7 900 hectares, abrange os municípios de Mairiporã, Guarulhos, São Paulo e Caieiras. O clima fresco, de pé de serra, é melhorado pela vegetação remanescente da Mata Atlântica, que abriga ainda diversas espécies de animais e aves em extinção. Ambiente perfeito para fazer trilhas. Listamos a seguir cinco percursos oferecidos pelo parque.

1) Trilha da Pedra Grande

Considerado difícil, o percurso tem 9,6 quilômetros de extensão (ida e volta). Passa pelo Lago das Carpas, pelo museu Casa de Pedra e pelo mirante, de onde se tem uma vista panorâmica de São Paulo, a 1010 metros acima do nível do mar.

2) Trilha de mountain bike

É única para a prática de ciclismo no Parque da Cantareira. O trajeto de 1,4 quilômetro de extensão ocorre no Núcleo do Engordador, em São Paulo. É possível visitar a Casa de Bombas, construída em 1894. Ela fez parte do primeiro sistema de abastecimento de água da capital.

3) Trilha da Bica

Fica no Tremembé, no Núcleo Pedra Grande, e é a mais suave de todas. Tem 1,5 quilômetro de extensão, que leva a uma fonte d’água. Em média, os visitantes fazem o trajeto de ida e volta em uma hora. O percurso é considerado fácil.

4) Trilha das Figueiras

Nível de dificuldade: médio. Também tem lugar no Núcleo Pedra Grande, com 2 quilômetros de extensão em terreno que varia entre íngreme e suave. O nome da trilha se deve à grande quantidade de figueiras no percurso. Em média, os visitantes percorrem o trajeto em uma hora e meia.

5) Trilha Suçuarana

Com um 1,9 quilômetro de extensão, é a principal trilha do Núcleo Águas Claras, em Mairiporã. Ela conecta a Pedra Grande ao Lago das Carpas, no Tremembé. O tempo do trajeto é de aproximadamente duas horas (ida e volta) e o nível de dificuldade é considerado médio. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.