Cinco presos continuam foragidos em Guaratinguetá

Na tarde deste domingo, sete detentos fugiram através de um buraco feito em uma das celas

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

23 de junho de 2008 | 04h20

Cinco detentos da Cadeia Pública de Guaratinguetá(SP), a 176 quilômetros da capital, no Vale do Paraíba, estão foragidos desde as 14 horas deste domingo quando, através de um buraco feito em uma das 16 celas, um grupo de sete presos conseguiu escapar do local. Policiais militares da 3ª Companhia do 23º Batalhão de Policiamento do Interior (BPM/I), que possuem uma base ao lado da cadeia, conseguiram recapturar dois dos foragidos no bairro de Pedreira. Segundo a polícia, os presos teriam usado ferramentas artesanais para furar a parede. Anexada ao 01º Distrito Policial, na Rua Rangel Pestana, no centro, a carceragem da cadeia pública abrigava antes da fuga 185 homens num espaço feito para apenas 65. Como o efetivo policial nos finais de semana diminui, por motivos de segurança, apenas nesta segunda-feira será realizada uma revista minuciosa nas celas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.