Cinco perguntas para...

Edsom Ortega

Flávia Tavares, O Estado de S.Paulo

23 Março 2011 | 00h00

SECRETÁRIO MUNICIPAL DE SEGURANÇA URBANA

1. Em cinco dias de operação antipirataria no Shopping 25 de Março, foram apreendidos 7 milhões de produtos. Esse número superou as expectativas?

Superou muito. Imaginávamos que, em toda a operação, apreenderíamos 5 milhões de itens. Vistoriamos apenas 40% das lojas até segunda-feira e já chegamos a 7 milhões.

2. Quais os produtos mais comumente encontrados?

Óculos de grau e de sol, tênis, relógios e roupas. Encontramos duas linhas de montagem completas de óculos, com logos falsificados das principais marcas internacionais. Foi surpreendente também a quantidade de material que encontramos escondida nos forros de paredes e móveis das lojas.

3. Teve algum item que chamou a atenção dos agentes envolvidos? Achamos uma tartaruga, que foi levada para o Parque do Ibirapuera. Também encontramos 300 estrangeiros que estão sendo averiguados, 120 estão com problemas de documentação e para 52 a Polícia Federal deu um prazo de três dias para sair do País.

4. Qual a estrutura da operação? São mais de 200 agentes de todas as esferas de poder envolvidos no trabalho.

5.E ela vai ter um efeito permanente? O objetivo é que sim, é de acabar com a venda de pirataria e contrabando de forma tão escancarada em São Paulo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.