Ciclista morre atropelado por ônibus na zona oeste de SP

Nemésio Ferreira Trindade, de 45 anos, chegou a ser levado para o Hospital Universitário, mas acabou morrendo

Gheisa Lessa - O Estado de S. Paulo,

27 de novembro de 2012 | 16h10

SÃO PAULO - Um ciclista morreu após se envolver em um acidente com um ônibus no cruzamento entre as Avenidas Professor Francisco Morato e Doutor Guilherme Dumont Vilares, na zona oeste de São Paulo. O atendimento à vítima causou o bloqueio parcial da Francisco Morato durante três horas na manhã desta terça-feira, 27.

O condutor da bicicleta, Nemésio Ferreira Trindade, de 45 anos, recebeu os primeiros atendimentos ainda no local do acidente, por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e do Corpo de Bombeiros. Levado ao Hospital Universitário da USP, por volta das 9h20, ele chegou morto, vítima de uma parada cardiorrespiratória, de acordo com a assessoria do hospital. As autoridades não informaram a identificação da vítima.

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), houve a interdição de duas faixas da Avenida Francisco Morato, no sentido bairro, mas o trânsito ficou complicado nos dois sentidos da via.

O motorista que passou pela avenida no sentido centro, por volta das 9h, precisou enfrentar 3,2 km de filas, segundo a CET. Por volta das 10h20, porém, a rua já estava totalmente liberada e o fluxo de veículos normalizado na região.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.