Ciclista desafia carro em ciclovia de Higienópolis

Motorista queria andar por faixa exclusiva para bikes inaugurada no mês passado na esquina da Av. Angélica com a Alameda Barros

Caio do Valle, O Estado de S. Paulo

02 de outubro de 2014 | 10h41

Atualizada às 21h22

SÃO PAULO - Um vídeo, registrado nesta quarta-feira, 1º, na esquina da Avenida Angélica com a Alameda Barros, em Higienópolis, na região central da capital paulista, revela o conflito entre ciclistas e motoristas que desrespeitam as ciclovias. 

Ao perceber um carro transitando na faixa exclusiva, uma mulher resolveu parar sua bicicleta na frente do automóvel e questionar a atitude da motorista que praticava a infração. 

A cena foi gravada pelo músico Sérgio Gonçalves, de 28 anos, que passava pelo local. “Não vou sair, vou deixar a bicicleta aqui”, diz a ciclista, parada na frente do carro. A mulher dentro do veículo não pode ser vista no vídeo, mas, segundo Gonçalves, estava com os braços cruzados, como se estivesse “provocando a ciclista”.

Clique na tela preta abaixo para assistir ao vídeo.

Em determinado momento, a ciclista pega seu celular e caminha em direção à motorista para registrar seu rosto. “Vou tirar uma fotinho da pessoa”, diz. Neste momento, o carro começa a dar marcha à ré e, em seguida, passa para a faixa ao lado da ciclovia, por onde os automóveis podem transitar.

“Ou a gente aprende de um jeito ou aprende de outro”, afirma a ciclista, depois que o carro deixa a ciclovia, sob vaias dos pedestres que acompanhavam a cena.

De acordo com Gonçalves, a mulher do carro estava saindo do estacionamento de um supermercado. “Ela preferiu ficar na ciclovia em vez de ir para as faixas de carro. Então, a ciclista que estava na ciclovia sinalizou para ela sair, o que não aconteceu. Ao contrário, a motorista ficou de braços cruzados, com o carro parado.” 

Usuário eventual das ciclovias, Gonçalves é favorável à instalação dos equipamentos na cidade. “Achei ótimo. Mas há pessoas egoístas, que querem ficar nos seus carros, botar o pé no acelerador.”

Recém-inaugurada. A ciclovia na Alameda Barros foi inaugurada no dia 13 do mês passado. Atualmente, a cidade tem 142,7 quilômetros de faixas exclusivas para bicicletas, segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Em agosto, o Estado flagrou irregularidades em ciclovias da região central e na zona oeste da capital. Em vários trechos, carros e caminhões estacionados bloqueavam a passagem dos ciclistas. Das vias visitadas pela reportagem, a situação era pior na Rua Barra Funda. 

Tudo o que sabemos sobre:
bicicletascicloviasHigienópolis

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.