Rafael Arbex/Estadão
Rafael Arbex/Estadão

Chuvas voltam a causar inundações e estragos no interior de SP

Somente em São José dos Campos, 400 casas ficaram alagadas após a chegada de uma frente fria no fim de semana

José Maria Tomazela, O Estado de S.Paulo

07 Março 2017 | 14h53

SOROCABA - Chuvas fortes com rajadas de vento voltaram a atingir cidades e causar alagamentos no interior de São Paulo, entre a tarde de segunda, 6, e a madrugada desta terça-feira, 7. No fim de semana, várias cidades já haviam sido atingidas por temporais. 

De acordo com o Centro de Previsão do Tempo e Estudos Climáticos (Cptec), as chuvas intensas decorrem da chegada de uma frente fria e uma zona de baixa pressão causada pela elevação do ar quente. Na manhã desta terça, a frente fria havia se afastado, mas ainda havia possibilidade de chuvas.

Em São José dos Campos, o temporal caiu no fim da tarde de segunda e cerca de 400 casas foram alagadas, atingindo duas mil pessoas. Ao menos 70 famílias foram levadas para casas de parentes. Em duas horas, choveu 133 milímetros. Na Vila Corinthians, 60 casas foram alagadas e o telhado de uma delas desabou. No Jardim do Lago, 36 casas foram inundadas. A situação foi mais crítica no Residencial São Benedito, onde quase todos os imóveis foram tomados pela água. O Corpo de Bombeiros usou botes para resgatar pessoas ilhadas.

Em Campos do Jordão, houve deslizamentos de encostas em 15 pontos da cidade e várias ruas continuavam bloqueadas na manhã desta terça-feira. Três casas foram interditadas pela Defesa Civil. As famílias foram levadas para casas de parentes. Ruas e avenidas ficaram alagadas nos bairros Capivari e Abernéssia. Equipes trabalhavam na desobstrução das vias. 

Uma grande massa de água tomou conta de ruas e avenidas de Piracicaba durante um temporal no fim da tarde de segunda. Na Avenida Independência, a enxurrada arrastou e empilhou uma caminhoneta e seis automóveis. A área de embarque do terminal rodoviário ficou sob a água. A força da água abriu uma cratera na rua Armando Salles de Oliveira. 

A chuva forte alagou ruas, casas e uma escola em Jundiaí. Motoristas ficaram ilhados em meio à correnteza. O Rio Jundiaí chegou a transbordar. No bairro Medeiros, o muro de um condomínio caiu.

Em Araraquara, cerca de 40 famílias ficaram desabrigadas depois que uma enxurrada com lama invadiu o Acampamento Capão dos Angicos, na zona rural. Ao menos 20 pessoas foram levadas para um alojamento montado no Clube Estrela. A Prefeitura está pedindo doações de roupas e móveis. Também houve inundações em Pirassununga e Limeira.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.