Prefeitura de Ilhabela - 31/12/2021
Prefeitura de Ilhabela - 31/12/2021

Chuvas fortes atingem pelo menos 30 cidades de São Paulo; Ilhabela tem 2 famílias desalojadas

Defesa Civil emitiu alerta de chuvas fortes para pelo menos 30 cidades de São Paulo e região metropolitana da capital. Chuva foi mais intensa em Ilhabela, onde duas famílias foram desalojadas e ruas, inundadas

Luiz Henrique Gomes, especial para o Estadão

31 de dezembro de 2021 | 16h30

Pelo menos 30 cidades de São Paulo e a região metropolitana da capital foram atingidas por fortes chuvas e receberam alerta da Defesa Civil do Estado, até esta sexta-feira, 31. As chuvas mais intensas foram no Litoral Norte nesta quinta-feira. As cidades de Caraguatatuba, Ilhabela e Ubatuba sofreram com enchentes e alagamentos. Em Ilhabela, pelo menos duas famílias precisaram sair das casas onde moravam por conta da intensidade das chuvas.

Segundo a prefeitura de Ilhabela, o acumulado das chuvas nesta quinta-feira foi mais do que o esperado para chover em 5 dias. Nas redes sociais, os moradores registraram o dano na cidade, que recebe cerca de 600 mil turistas para o réveillon. Ruas inteiras foram invadidas por enchentes. A Defesa Civil registrou 22 ocorrências em Ilhabela de alagamentos, deslizamentos de terra e queda de árvores em fios.

No bairro da Vila foram registrados 176,2 milímetros de chuva. Já na Barra Velha, Água Branca e Reino, choveu 174,3mm. A quantidade prevista era de 120mm de chuvas fracionadas entre os dias 29 e de dezembro e 2 de janeiro, segundo a prefeitura.

Apesar da intensidade das chuvas, a Prefeitura de Ilhabela manteve a queima de fogos prevista para o réveillon. Na manhã desta sexta-feira, uma força-tarefa foi montada para retirar a lama que invadiu as ruas com a chuva.  “Envolvemos diversas secretarias nas ações para colocar a cidade em ordem”, declarou o prefeito Toninho Colucci. 

A Defesa Civil Estadual afirmou que as instabilidades vão continuar predominando em todas as regiões do Estado de São Paulo. A previsão é que as chuvas sejam acompanhadas de raios, rajadas de vento e até mesmo queda de granizo em pontos isolados, principalmente na Serra da Mantiqueira, Vale do Paraíba, Litoral Norte, Baixada Santista e na Região Metropolitana de São Paulo.

 


Em Caraguatatuba, a chuva começou na tarde desta quinta-feira. Em três horas, choveu cerca de 60 milímetros. A cidade também registrou ventos de até 20 quilômetros por hora e alagamentos em alguns pontos. De acordo com a Defesa Civil, na cidade o acumulado foi de 153 mm.

Em Ubatuba, a chuva também deixou ruas alagadas. Na região da Praia Grande, diversas vias ficaram alagadas e o volume de água cobriu a roda dos veículos. A Defesa Civil informou que o acumulado foi de 156 mm.

Ainda na quinta-feira, o Governo de São Paulo mobilizou uma força-tarefa da Defesa Civil Estadual e do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar para atuação em todas as regiões do estado devido ao alerta de chuvas.

Há atenção especial para as regiões de Araçatuba, Baixada Santista, Barretos, Campinas, Franca, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Sorocaba, Vale do Paraíba, Litoral Norte e Região Metropolitana da Capital, todas com previsão de até 120 mm de chuva por dia. Nas regiões de Araraquara, Bauru, Itapeva, Marília, Presidente Prudente e Vale do Ribeira, a meteorologia aponta chuvas com volume diário de até 90 mm.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.