Chuva provoca nove pontos de alagamento em São Paulo

46 semáforos estão apagados e outros 40 funcionam com o amarelo piscante

Tiago Dantas - O Estado de S.Paulo,

18 de fevereiro de 2013 | 17h22

A chuva da tarde desta segunda-feira, dia 18, provoca nove pontos de alagamento na cidade. Em cinco desses locais, não é possível passar de carro. A pista sentido Santana da Avenida 23 de Maio está interditada desde as 16h35 próximo ao Viaduto General Euclides de Figueiredo, próximo ao Parque do Ibirapuera, na zona sul.

Na mesma região, há alagamento nas duas pistas do Túnel Max Feffer e na Avenida Professor Francisco Morato, no cruzamento com a Praça Paula Moreira. Já na zona leste, não é possível passar pelos dois sentidos da Avenida Professor Luiz Ignacio de Anhaia Mello, próximo à Rua Amparo.

A chuva foi suficiente para deixar 46 semáforos apagados na cidade. Outros 40 estão funcionando com amarelo piscante, de acordo com dados da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET). Até as 17h, havia 14 ocorrências de quedas de árvores. O Centro de Gerenciamento de Emergências da Prefeitura (CGE) colocou a cidade toda em estado de atenção.

Antes da tempestade, a capital paulista teve o dia mais quente do ano. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) registrou 34 graus às 15 horas. O recorde anterior era de 33,3ºC, na quinta-feira passada, 14 de fevereiro. No ano passado, a maior temperatura registrada no Mirante foi de 36,6ºC, em 31 de outubro.

Tudo o que sabemos sobre:
Chuvasemáforo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.