Chuva perde intensidade e SP sai do estado de atenção

Cidade tem apenas chuva fraca em alguns pontos; toda a cidade havia sido posta em atenção à tarde

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

26 Janeiro 2010 | 20h34

A cidade de São Paulo saiu do estado de atenção às 19h25 desta terça-feira, 26, depois que as chuvas que atingiram a capital durante a tarde e a noite de hoje perderam intensidade.

 

Veja também:

blog Blog do Trânsito: Acompanhe situação das ruas e estradas

linkSão Paulo registra 175 km congestionados, recorde do ano

linkTemporais já causaram 62 mortes no Estado de SP

linkChuvas deixam 27 cidades paulistas em emergência

linkTemporal provoca quedas de barreira em 7 rodovias de SP

 

Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, resta apenas chuva fraca nas regiões da cidade. Chove de forma moderada nos municípios de Mogi das Cruzes, Suzano, Ribeiro Pires e Rio Grande da Serra, na Grande São Paulo.

 

As regiões oeste, sul, leste e sudeste entraram em estado de atenção às 13h40. Já as zonas norte, central e as marginais do Pinheiros e do Tietê às 15h15.

 

REFLEXO

 

O órgão destacou que entre às 13h50 e 14h40 a chuva atingiu com mais intensidade as zonas sul e leste e, das 15h15 às 17h15, as chuvas atingiram principalmente as zona leste, norte, oeste e centro.

 

Devido ao mau tempo, por volta de 16 horas, houve queda de granizo na região do Morumbi. Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o túnel Anhangabaú ficou bloqueado, nos dois sentidos, das 16 às 17 horas. O túnel Max Feffer também ficou bloqueado das 16h43 até 19 horas.

 

Por volta das 20h20, a cidade registrava 93 quilômetros de vias congestionadas e 14 pontos de alagamento.

Mais conteúdo sobre:
chuvas em SP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.