Chuva mata 1 e deixa Guarulhos em estado de atenção

Temporal durante a noite de domingo fez córregos transbordarem e provocou alagamentos

Solange Spigliatti, Central de Notícias

28 de dezembro de 2009 | 09h35

Um homem de 61 anos morreu na noite de ontem, após seu veículo cair no córrego Ribeirão das Lavras, no Jardim Hanna, em Guarulhos, Grande São Paulo. Segundo a Defesa Civil municipal, a rua estava alagada, e Israel Rosa Botelho foi levado pela enxurrada. A cidade entrou, nesta segunda-feira, 28, em estado de atenção devido às fortes chuvas que atingiram a região desde a noite de ontem.

 

Veja também:

linkFamília presa na correnteza é resgatada por PMs em Guarulhos

linkChuva volta a alagar Jardim Romano, na zona leste de SP

linkNo interior de São Paulo, chuva forte deixa desabrigados

link Chuvas continuam em boa parte do País nesta segunda

Eram esperados para o domingo cerca de 14 milímetros de chuvas, sendo que deste total sete estavam previstos para o período da noite. De acordo com dados da Defesa Civil, choveu cerca de cem vezes mais durante a noite, provocando nove pontos de enchentes, que afetaram mais de 300 casas.

Avenida ao lado de córrego na cidade da Grande São Paulo ficou alagada. Foto: J.B. Neto/AE

Os bairros mais atingidos foram Jardim Seródio, Aracília, Parque São Luís, Presidente Dutra, Lavras, Bonsucesso, Ponte Alta e Vila Fátima, segundo a Defesa civil. Os moradores foram retirados das casas com auxílio da Defesa Civil e dos bombeiros.

Alguns locais ainda estavam cheios de água nesta manhã, como a Avenida Jamil João Zarif, que fica ao lado do córrego Baquirivu, que transbordou, inundando várias residências.

Segundo a Defesa Civil, se chover novamente hoje, as famílias serão levadas para alojamentos em uma escola municipal. Um abrigo já foi montado na escola, mas as famílias no entorno não quiserem ser removidas, de acordo com a Defesa Civil.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.