Chuva forte deixa zona leste de SP em estado de atenção

Previsão é de mais chuva nas próximas horas na capital paulista, que ainda não tem alagamentos

Fabiana Marchezi, do estadao.com.br,

23 Dezembro 2008 | 15h31

O Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura de São Paulo decretou, às 14h40 desta terça-feira, 23, estado de atenção para a zona leste da cidade, em razão da forte chuva que atingia a região.   Veja também:  Saiba quais cuidados tomar para evitar danos em enchentes  Ouça recomendações do CGE em caso de enchente   Galeria de fotos mostra o caos na capital     De acordo com o CGE, áreas de instabilidade começavam a causar chuvas na forma de pancadas entre a zona leste e a divisa com Guarulhos, na Grande São Paulo. Nas próximas horas, novas áreas de chuva devem atingir outras partes da capital. Até as 15h20, a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) não registrava pontos de alagamento.   Na segunda-feira, 22, a forte chuva que atingiu a cidade por cerca de duas horas causou muito estrago na cidade. Além de mais de 170 km de congestionamento no começo da noite, São Paulo registrou 45 pontos de alagamento, motoristas ficaram ilhados e bairros ficaram sem água e luz.   País   Sudeste - as áreas de instabilidade ainda espalham muitas nuvens por Minas Gerais. Em algumas áreas do Estado e também no Espírito Santo chove fraco pela manhã, e em todas as regiões ocorrem pancadas de chuva a partir da tarde. Nas outras áreas da região o aquecimento e a umidade ainda elevada favorecem o crescimento de nuvens ao longo do dia que provocam algumas pancadas de chuva, principalmente à tarde. Em Belo Horizonte, nuvens formadas por instabilidades da Zona de Convergência do Atlântico Sul ainda provocam chuva leve, segundo a Climatempo.   Sul - uma frente fria deixa muitas nuvens no Rio Grande do Sul e provoca chuva a qualquer hora do dia em todo o Estado. A temperatura diminui. No restante da Região uma grande massa de ar quente predomina. Faz sol, mas o tempo abafado causa aumento de nuvens e há previsão de pancadas de chuva a partir da tarde. O céu está com poucas nuvens nesta manhã em Florianópolis e o sol já aparece na capital, com a temperatura chegando aos 24ºC.   Norte - áreas de instabilidade persistem sobre o Norte do País e mantêm o tempo fechado com chuva a qualquer hora no leste do Acre, no sul do Amazonas e do Pará e em Rondônia. Nas demais áreas da Região, o sol aparece entre muitas nuvens e ocorrem pancadas de chuva no decorrer do dia. Em toda a Região, há risco de temporais.   Nordeste - algumas instabilidades persistem sobre o Nordeste. Na Bahia e no centro-sul do Maranhão e do Piauí, o céu fica cheio de nuvens e chove a qualquer hora, com risco de chuva forte. Já entre o norte do Ceará e Sergipe, não há previsão de chuva. Nas demais áreas da Região, chove apenas de forma rápida e isolada.   Centro-Oeste - a instabilidade persiste e o tempo fica carregado e sujeito a temporais no centro-norte de Mato Grosso e de Goiás e no Distrito Federal. No restante da Região o sol aparece, faz calor e ocorrem pancadas de chuva à tarde e à noite. Chuva isolada pela manhã também no oeste de Mato Grosso do Sul.  

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.