Chuva forte deixa São Paulo em estado de atenção

Aeroporto de Congonhas ficou fechado por 20 min; ainda pode chover na noite de hoje

estadao.com.br,

10 Fevereiro 2010 | 15h41

Toda a cidade de São Paulo entrou em estado de atenção às 15h05 desta quarta-feira, 10, em razão das pancadas de chuva que atingem a capital paulista. Às 15h50 as chuvas perderam intensidade e a capital sai do estado de atenção.

 

Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura, choveu forte em praticamente toda a região central e sudeste. Intensas chuvas cairam em partes da zona leste, entre os bairros Aricanduva, Vila Prudente, e na zona sul, no Jabaquara e em Santo Amaro. Já nas zonas norte e oeste, chove de maneira moderada.  

 

Também chove moderadamente com pontos fortes no extremo sul da cidade, entre os bairros de Grajaú, Parelheiros e Engenheiro Marsilac. Na Grande São Paulo, chove forte nos municípios de São Bernardo do Campo, Santo André, Ribeirão Pires, Rio Grande da Serra e Guarulhos.

 

O Aeroporto de Congonhas, na zona sul, ficou fechado para pousos e decolagens por 20 minutos. De acordo com a Infraero, o terminal ficou com as operações suspensas entre 14h48 e 15h08, quando voltou a operar normalmente. Até as 15 horas, dos 133 voos programados em Congonhas, 15 atrasaram mais de meia hora e dez foram cancelados.

 

Alagamentos

Às 16h10, a cidade registrava um ponto de alagamento transitável na Avenida Pedro Álvares Cabral, junto do Viaduto dos Imigrantes, no sentido Vila Mariana.

 

A previsão para esta noite é de chuva em diversas regiões da capital paulista.

 

Por Priscila Trindade e Fabiana Marchezi, da Central de Notícias

Notícia atualizada às 16h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.