JF DIORIO /ESTADÃO
JF DIORIO /ESTADÃO

Chuva em SP derruba árvores, causa transbordamento de córregos e desmoronamento

Na zona leste, 41 pessoas ficaram levemente feridas depois que um muro desabou; dez árvores caíram na cidade, segundo o Corpo de Bombeiros

O Estado de S. Paulo

01 Fevereiro 2017 | 17h57

SÃO PAULO - As chuvas que atingiram toda a cidade de São Paulo nesta quarta-feira, 1º, derrubaram árvores e causaram desmoronamentos, o desabamento de um muro e transbordamento de córregos. Ruas e avenidas ficaram alagadas. Quarenta e uma pessoas ficaram levemente feridas em uma festa universitária na zona leste da cidade.  

Segundo informações do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), da Prefeitura de São Paulo, o Córrego Lajeado e os rios Verde e Itaquera Mirim, na zona leste, e o Córrego Perus, na zona norte, transbordaram nesta tarde. As regiões entraram em alerta para alagamentos.

De acordo com os bombeiros, foram registrados desmoronamentos de terra em 17 pontos da cidade. Na Rua Menininha Lobo, no Parque do Carmo, na zona leste da cidade,  41 pessoas ficaram levemente feridas. No local, ocorria uma festa universitária, quando um muro desabou. De acordo com o Hospital Santa Marcelina, para onde as vítimas foram levadas, não há registros de ferimentos graves. As vítimas tiveram escoriações e apenas três permaneciam em observação na noite desta quarta. 

O Corpo de Bombeiros registrou ainda a queda de 10 árvores - uma delas na Avenida Angélica, na Consolação, região central da cidade, onde, segundo a corporação, uma pessoa teria ficado ferida. A identidade da vítima não havia sido divulgada até as 19h desta quarta. Os bombeiros atenderam ainda a 17 chamados por causa de pontos de alagamentos na capital paulista.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.