Chuva e neblina dificultam a saída para o feriado

O movimento nas principais estradas que ligam São Paulo ao interior, litoral e outros Estados foi intenso desde o fim da tarde de ontem e a chuva prejudicou a fluidez do trânsito. Motoristas devem redobrar os cuidados em alguns trechos, por causa da baixa visibilidade, causada pela chuva e pela neblina.

Julia Baptista, O Estado de S.Paulo

13 de novembro de 2010 | 00h00

Na Rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio, houve congestionamento entre o km 229 e o km 223 da pista marginal, no sentido Rio. Em Guarulhos, também no sentido Rio, a morosidade era do km 223 ao km 220, na pista expressa.

Na Rodovia Castelo Branco, que liga a capital ao interior, havia quatro pontos de parada, no sentido interior, entre São Paulo e Barueri, de acordo com a ViaOeste. Os pontos de lentidão eram entre o km 18 e o km 26.

Na Rodovia dos Imigrantes, havia lentidão na descida para o litoral entre o km 33 e o km 49. Na Bandeirantes, a fila era de 4 km, até o pedágio.

Na capital. Ao contrário do que ocorreu em outros feriados prolongados, o paulistano não encontrou dificuldades para sair no fim da tarde. A capital tinha 146 km de congestionamento às 19h30, bem abaixo da média para o horário - o recorde é de 299 km.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.