Chuva diminui e só zonas sul e leste estão em estado de atenção

Após serem registrados nove pontos de alagamentos, apenas quatro persistiam até às 15 horas, informou a CGE

Solange Spigliatti, do estadao.com.br

12 de janeiro de 2008 | 15h52

Apenas as zonas leste e sul da capital paulista permaneciam em estado de atenção, às 15 horas deste sábado, 12,  por conta da forte chuva que caiu sobre a cidade na tarde deste sábado, segundo informações do Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE).   Após serem registrados nove pontos de alagamentos, apenas quatro persistiam no período, três deles na marginal Tietê e outro na rua Conselheiro Brotero.   Com os trechos alagados na pista sentido Ayrton Senna, o congestionamento era de quase oito quilômetros, entre a rua Azurita até 1.560 m depois da ponte do Piqueri.   Segundo o CGE, os trechos de alagamentos transitáveis estavam na transposição Canindé e na ponte da Vila Guilherme, na pista local. No sentido Castelo Branco, o alagamento estava próximo à ponte da Casa Verde.   Trânsito   Por conta da chuva, a cidade apresentou vários pontos de lentidão, principalmente na marginal Tietê, após a formação de três pontos de alagamentos.   O trânsito estava complicado também na avenida Radial Leste, entre o viaduto Guadalajara até a rua Wandenkolk, somando cerca de quatro quilômetros de lentidão.   De acordo com a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), foram registrados às 15h12 22 quilômetros de congestionamento em toda a cidade.

Tudo o que sabemos sobre:
Chuva

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.