Chuva diminui e estado de atenção é suspenso em São Paulo

Temporal fez temperatura ter queda brusca na zona leste; ventos vindos do mar provocaram precipitação

Fabiana Marchezi, estadao.com.br

05 Março 2009 | 16h05

A chuva que atingiu parte da capital paulista na tarde desta quinta-feira, 5, diminuiu e o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) suspendeu o estado de atenção para as zonas leste e sudeste e para a região da Marginal do Tietê. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) não registrou pontos de alagamento.   De acordo com o CGE, a área de chuva que provocou chuva forte por um curto período de tempo na zona leste da capital, principalmente nos bairros de São Mateus, Aricanduva, Vila Prudente e Itaim Paulista perdeu força, restando apenas nebulosidade e chuva fraca. O temporal veio acompanhado por raios.   O forte calor propiciou a elevação das temperaturas, segundo o CGE. Os ventos, que passaram a soprar do mar em direção ao continente, propiciaram a formação de pancadas fortes de chuva. Em São Mateus, onde a temperatura chegou aos 35,8ºC, os termômetros marcam 24,5ºC no momento do temporal, uma queda aproximada de 9ºC.   Na Grande São Paulo, entre Mogi das Cruzes e Guararema, também houve registros chuva forte, principalmente em Mauá.   Atualizado às 16h43.

Mais conteúdo sobre:
chuvas em SPclimaCGE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.