Chuva deixa mais regiões em estado de atenção e tem pontos de alagamento

A subprefeitura do Ipiranga ficou em estado de alerta entre as 16h43 e 17h20 desta terça, 15, devido ao transbordamento do Córrego do Ipiranga, entre as avenidas Fagundes Filho e Bosque da Saúde. Desde as 16h já havia sido decretado o estado de atenção em toda a zona sul.

15 de fevereiro de 2011 | 16h59

 

De acordo com o CGE, a cidade acumula até o momento cinco pontos de alagamento. Três deles estão instransitáveis:

 

- Avenida Prof. Abraão de Morais com Avenida Bosque da Saúde, no Ipiranga;

- Avenida Rangel Pestana com Rua Hipódromo, Mooca;

- Rua Bresser com Viaduto Bresser, também na Mooca.

 

As zonas norte, oeste e centro entraram em estado de atenção às 17h20. Às 16 horas entraram no estado as zonas sul e sudeste e a marginal do Pinheiros. Um pouco antes, às 15h30, já estavam na mesma situação a zona leste e Marginal do Tietê.

 

As forte instabilidades que provocaram o transbordamento do Córrego Ipiranga começam a perder força, e se deslocam para os municípios do ABC paulista.

 

No extremo sul de SP, chove forte entre os bairros de Grajaú, Parelheiros e Engenheiro Marsilac, principalmente na região de divisa com o município de São Bernardo do Campo.

 

Às 15h00, o aeroporto de Guarulhos registrou trovoadas acompanhadas de rajadas de vento de até 56 km/h.

 

Previsão. De acordo com a equipe de meteorologia do CGE, por conta da atuação da frente fria no litoral do Estado, até o final da noite estão previstas novas pancadas de chuva em pontos isolados da cidade.

 

Notícia atualizada às 17h35.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.