Chuva deixa 26 pessoas desalojadas em Franco da Rocha (SP)

Pontos de alagamento se devem à deficiência no sistema de escoamento de água; não houve vítimas

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

02 Fevereiro 2010 | 10h48

As chuvas da tarde desta segunda-feira, 1, que atingiram a região metropolitana de São Paulo, deixaram pelo menos 26 pessoas desalojadas em Franco da Rocha, segundo dados da Defesa Civil Estadual.

 

O Rio Juquery transbordou e inundou a área central da cidade, afetando os bairros Jardim Luciana, Vila Belmiro, Lago Azul, Jardim Montreal, Vila Bazu e Lago Azul Ortiz, que registraram pontos de alagamentos devido à deficiência no sistema de escoamento da água.

 

Na Rua Honório de Balzaki, no Parque Lanel, três casas foram atingidas parcialmente por deslizamento de terra. As casas foram interditadas e 12 pessoas foram abrigadas em casas de parentes.

 

Na Rua Francisco Casa Massa, no Parque Vitória, três casas foram atingidas por deslizamento de terra e entulho. As casas foram interditadas e outras 10 pessoas foram abrigadas em casas de parentes e vizinhos e na Vila Josefina, uma casa em área de risco foi interditada e a quatro pessoas de uma família foram abrigadas em casa de vizinhos.

Na Rodovia Prefeito Luís Salomão Chama (SP-23), no km 8, ocorreu uma queda de barreira, interditando a pista parcialmente.

 

Foram registradas trinta queda de árvores no município. Não houve vítimas fatais, feridos e desaparecidos. Em Caieiras, o Rio Juquery transbordou e inundou algumas ruas da área central e também inundou algumas ruas da área central de Francisco Morato.

Mais conteúdo sobre:
chuvas SP alagamentos Franco da Rocha

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.