Chuva causa queda de luz nas zonas norte e leste de SP

Trânsito na capital atrasa chegada de equipes de manutenção; pico de lentidão foi 129 de km

Maíra Teixeira, da Central de Notícias,

03 Fevereiro 2010 | 22h17

A forte chuva que atingiu a capital nesta quarta-feira, 3, prejudicou o fornecimento de energia em trechos de bairros das zonas norte e leste - regiões que receberam o maior volume de água, segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE).

 

Veja também:

linkQueda de árvore por causa da chuva mata uma pessoa em SP

 

Na zona norte, foram afetados trechos dos bairros Mandaqui, Lauzanne, Parque Novo Mundo, Tucuruvi, Vila Guilherme e Água Fria, enquanto, na zona leste, os mais afetados são o Brás, Mooca e o Tatuapé.

 

Segundo a AES Eletropaulo, a intensidade da chuva causou a queda de energia nessas regiões por volta das 18h. As equipes de manutenção foram acionadas, mas, em muitos casos, as vias congestionadas impedem a chegada.

 

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), o pico de lentidão no trânsito foi de 129 km, às 19h30. Até às 21h30, o índice era de 74 km.

 

A zona norte foi uma das regiões mais atingidas pela tempestade, com volume de chuva de 75,4 milímetros na região da Subprefeitura de Vila Maria/Vila Guilherme). Já na zona leste choveu 48,5 mm (Guaianases). O pico de lentidão no trânsito foi de 129 km, às 19h30.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.